Mainside, falamos cidade.

Os edifícios, como as pessoas, têm uma vida. Mas, ao contrário das pessoas, os edifícios podem viver para quase sempre. Depois de nascerem, viverem e serem vividos, podem encontrar uma vida nova. Uma nova verdade, escondida pelas possibilidades e pela eloquência do tempo.

Somos cuidadosos com o que os edifícios sentem. Acreditamos nas fundações das suas histórias, na arquitetura das suas emoções, nos sonhos guardados pelas paredes que os ouviram.
Batemos à porta das suas vontades para escutarmos tudo o que têm para nos dizer. O que cada um deles tem planeado para nós. Sabemos ver o que eles foram, ouvimos o que nos dizem, e damos-lhes um novo sentido de futuro, alinhado com o seu passado. Nos alicerces da sua alma, cada edifício renasce livre e diferente.

Damos-lhes uma nova vida e uma nova voz. Falamos com os edifícios e eles falam por nós, e dizem ao mundo a paixão que sentimos pelo que fazemos. Por eles, pelas cidades e através deles pelas pessoas.

55

Projectos

6

Cidades

7

Obras e projectos em curso

Imprensa